Visitei um castelo pela primeira vez

Uma das coisas que mais queria fazer quando chegasse aqui era conhecer um castelo. A Irlanda é uma das regiões com mais construções do tip...

Uma das coisas que mais queria fazer quando chegasse aqui era conhecer um castelo. A Irlanda é uma das regiões com mais construções do tipo no mundo, junto com outros países da Europa (afinal, história é uma das coisas que mais me interessava quando escolhi vir pra cá). Daí, no último final de semana eu e meu namorado decidimos conhecer o Castelo de Malahide, que fica pertinho de onde a gente mora, só três estações de trem de distância. Parecia o destino ideal pra aproveitar o sábado :)


O Castelo de Malahide não é um dos maiores e nem mais impressionantes, mas tem uma história fascinante por ser um dos mais antigos da Irlanda. A propriedade tem mais de 800 anos (ou seja, muito antes do Brasil sonhar em aparecer no mapa) e sempre pertenceu a mesma família, o que aparentemente é uma coisa impressionante. 

A região foi doada à família Talbot ainda quando a Inglaterra estava conquistando o que hoje é a Irlanda. Por isso, eles eram aristocratas que estava à serviço da coroa britânica. No total, viveram no castelo 30 gerações e ainda em meados do século XX era usado como residência dos Talbots. Foi nessa época que Rose Talbot decidiu passar a propriedade para o governo irlandês, por não ter herdeiros e também pelas despesas do lugar. 


O espaço está aberto pra visitação todos os dias e o ingresso custa € 9,00 para estudantes, com guia (o que eu achei bem caro, não vou negar). O legal do passeio guiado é que você pode escutar em diversos idiomas, incluindo português de Portugal. Eu inventei de acompanhar em inglês mesmo e perdi metade da explicação, porque a guia falava super rápido. Então, sejam mais espertos que eu. 

Lá dentro é tudo muito interessante, mas não há muitos cômodos pra visitar. Não é um castelo grande, parece mais com uma mansão de época, sabe? Tudo é muito bem conservado e tem diversas histórias interessantes que estão completamente ligadas ao que a Irlanda é hoje, justamente por ser uma família muito importante. 


Mas o que eu mais amei no passeio foram os jardins, que estão inclusos no ingresso. São enormes e completamente lindos (muito mais interessante que a propriedade no interior, inclusive). Aparentemente, os Talbots costumavam viajar o mundo e traziam tudo que eles gostavam de cada região, desde móveis, mármores e itens de decoração, até plantas e flores nativas. Por isso, os jardins e as estufas são repletas de espécies de  várias partes do mundo. Olhando meio que por cima, encontrei coisas da Austrália (especificamente da Tasmânia), Ásia, África, América do Norte e do Sul. 

Já do lado de fora, há um parque enorme e cheio de atividades, com espaço vasto pra praticar esportes, playground, trilhas e uma floresta charmosa. Por tudo isso, acho que vale muito mais o passeio pelas áreas externas do que pelo castelo em si, apesar de ser extremamente interessante conhecer um lugar assim, tão longe da nossa realidade daí do Brasil. 


(Fotos: Vinícius Novaes)
Serviço

Malahide Castle
Qual o preço? € 9,00 para estudantes e € 12,50 para todo mundo
Dá pra ir de transporte público? Sim, de DART (o trem aqui da Irlanda) e também de ônibus
Quando fica aberto? Todos os dias, das 9h30 às 17h30 
Qual o melhor horário? Pela manhã

Sandy Quintans
@sandyquintans


Veja também

0 pronto, falei!